Tudo o que você precisa saber sobre antecipação de recebíveis

Compartilhar

Você sabe o que é securitização ou antecipação de recebíveis? Trata-se de um produto financeiro já bem consolidado nos Estados Unidos e que está sendo cada vez mais utilizado no Brasil.

Esse sistema é ideal para quem busca uma alternativa de financiamento ou pretende ceder seus recebíveis.

Neste artigo nós iremos esclarecer o que é a antecipação de recebíveis e quais são as principais vantagens dessa opção de crédito. Acompanhe!

Saiba o que é a antecipação de recebíveis

Securitização, ou antecipação, de recebíveis é um processo em que uma série de ativos financeiros e não financeiros são agrupados em forma de títulos e então, negociados com investidores.

Esse sistema permite que qualquer fluxo de caixa possa ser securitizado — até mesmo receitas futuras.

Essa negociação pode envolver ativos como:

empréstimos;

receitas futuras do cartão de crédito;

faturas emitidas que ainda não foram pagas;

duplicatas;

notas promissórias;

leasing;

financiamento de veículos, entre outros.

O solicitante deve receber o valor principal com base no fluxo de caixa proveniente da carteira dos ativos selecionados. A partir disso, ele assume um compromisso de pagamento futuro sobre o valor recebido, acrescido de juros.

Conheça um pouco da história da operação de antecipação de recebíveis

Conforme explicamos no início deste artigo, a securitização de recebíveis é uma prática já bem consolidada nos Estados Unidos.

Porém, o que muitos não sabem, é que a operação já existia no Brasil desde a década de 70, quando os empréstimos hipotecários garantidos pelo Estado eram comercializados e constituídos na forma de pool.

Foi a partir de 1985 que o mercado de securitização a longo prazo se consolidou nos Estados Unidos. Desde então, esse tipo de operação expandiu muito e deve se manter como uma tendência para os próximos anos.

Entenda como funciona a antecipação de recebíveis

Cada operação costuma envolver três partes: os originados, os intermediários e os investidores. Abaixo, esclarecemos o papel de cada um deles:

originador: é quem gera o ativo, que pode ser qualquer modo de fluxo de pagamento — como um financiamento ou um empréstimo;

intermediários: os intermediários são os responsáveis pela operação. São eles que viabilizam a distribuição dos ativos para os investidores;

investidores: são os participantes finais da negociação, que encerram o processo. Eles arcam com o risco da operação, já que assumem a dívida para lucrar com os juros obtidos na transação.

De modo geral, a antecipação de recebíveis pode ser definida como um processo que reúne os passivos de diversas fontes, tanto pessoa física quanto pessoa jurídica e, em seguida, converte-os em um único ativo.

Depois disso, atribui-se uma classificação de crédito ao ativo, que é vendido para os investidores. Ou seja: a antecipação de recebíveis converte contas a receber em valores negociáveis.

Veja quais são os benefícios da antecipação de recebíveis

A securitização de recebíveis oferece uma série de vantagens para todas as partes envolvidas na operação. Abaixo, listamos os principais benefícios desse tipo de transação financeira. Acompanhe!

Juros mais baixos

A antecipação de recebíveis é uma operação interessante pois oferece juros mais baixos. Afinal, a transação geralmente envolve ativos a receber, o que torna mais garantida a quitação da dívida.

Alternativa para financiamento

A antecipação de recebíveis é uma excelente alternativa ao financiamento ou aos empréstimos bancários, os juros são significativamente mais baixos.

Liquidez elevada

A securitização de recebíveis oferece alta liquidez. Isso quer dizer que o ativo é facilmente convertido em dinheiro, e o valor é disponibilizado rapidamente ao solicitante.

Além das vantagens listadas acima, a antecipação de recebíveis também pode ser usada como solução para gestão de capital regulatório e como instrumento de gerenciamento de custos e riscos.

Operações de securitização de crédito 

Existem duas operações de securitização de crédito. O ideal é analisar as opções e verificar qual é a mais recomendada para a sua situação. 

Antecipação de recebíveis

O adiantamento de recebíveis transforma as vendas a prazo em vendas à vista. A operação antecipa o recebimento de cheques ou duplicatas, o que garante crédito rápido a um custo baixo. 

Antecipação de fluxo de caixa

A antecipação de fluxo de caixa consiste no adiantamento de recursos de curto e médio prazo .

Essa operação garante mais flexibilidade para a empresa na compra de matéria-prima, no pagamento da folha dos funcionários, investimento em infraestrutura, maquinário, estoque, frota, equipamentos e outras necessidades — além de equilibrar as entradas e saídas de caixa.

Assim, a companhia terá mais vantagem na negociação com os fornecedores e autonomia para investir em outras áreas da empresa sem depender de receitas futuras.

A securitização de recebíveis é uma solução alternativa a financiamentos e empréstimos bancários. Afinal, as taxas de juros, de multas e de encargos envolvidos nessas transações financeiras são muito altas.

Com a securitização, essas taxas são significativamente reduzidas e ainda o processo oferece baixo risco e garante crédito rápido. Por isso, é uma excelente solução para o solicitante.

E aí, gostou do nosso post sobre a antecipação de recebíveis? Que tal compartilhá-lo nas redes sociais para que os seus amigos também conheçam o assunto?

Se você gostou desse conteúdo, fique a vontade para nos seguir também no Facebook.


Compartilhar

Um comentário em “Tudo o que você precisa saber sobre antecipação de recebíveis

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *