Entenda os benefícios da antecipação de recebíveis

Compartilhar

É muito comum que, em algum momento das suas atividades, uma empresa tenha que recorrer a um crédito. Nessas situações, uma boa opção às linhas tradicionais é a antecipação de recebíveis.

Caso você não conheça essa modalidade, saiba que se trata de um tipo de operação financeira que permite que as empresas antecipem o recebimento dos cheques pré-datados e das duplicatas a taxas competitivas em relação às taxas oferecidas por outras linhas de crédito encontradas no mercado. Além disso, disponibiliza o dinheiro para uso mais rápido.

Tendo isso em mente, vamos detalhar neste artigo os motivos que levam as empresas a recorrerem à antecipação de recebíveis e porque ela pode ser  vantajosa em relação às outras possibilidades de tomada de crédito disponíveis no mercado. Confira!

Situações em que as empresas necessitam de crédito externo

A obtenção de crédito externo é geralmente viabilizada junto a instituições financeiras. Nesse sentido, uma empresa procura por essa solução para prestar suporte às suas operações financeiras e ampliar a capacidade de atuação.

Afinal, quanto mais capital disponível para ser investido,  maior o volume de recursos para serem empenhados em diferentes áreas do empreendimento.

A necessidade de contar com a integralização de capital externo também pode ter origem em problemas relacionados às várias operações internas conduzidas pela empresa. Alguns exemplos disso são: o setor de vendas, a chegada de concorrência na praça ou erros de planejamento que deixam a empresa vulnerável a efeitos externos, como a sazonalidade.

Em outras palavras, a tomada de crédito geralmente ocorre em momentos de baixa no caixa, pois pode ser alocada dentro de uma estratégia de crescimento que exija maior liquidez do que aquela provida pelas vendas.

Sobretudo, quando a empresa perde liquidez, ela pode tornar-se incapaz de honrar seus compromissos de curto prazo. Com o tempo, ela também pode perder a capacidade de injetar capital em investimentos destinados à expansão do negócio, correndo risco de enfrentar uma situação de engessamento que vai forçar o gestor a tomar crédito.

Equilíbrio entre a injeção de capital e endividamento da empresa

Nesses termos, a tomada de crédito deve ser pensada com parcimônia, mesmo em face da urgência da instabilidade financeira já instalada. Assim, o gestor deve se certificar de que a solução buscada alia  da melhor maneira possível , os efeitos positivos desejados (injeção de capital na empresa) ao mínimo de efeitos negativos possível (menor impacto sobre o endividamento da empresa).

Em relação a esse aspecto, muitos gestores, geralmente por desconhecimento ou conservadorismo, deixam de recorrer à antecipação de recebíveis, que representa um impacto  muito menor em comparação com outros tipos mais comuns de contratação de crédito para uma empresa. 

Isso acontece porque nessa modalidade, os recursos antecipados são originários da própria cadeia produtiva da empresa. Ou seja, o que está sendo feito é apenas a antecipação do direito da empresa de receber por produtos e serviços prestados por ela.

Dito isso, veja agora quais são as principais vantagens de utilizar a antecipação de recebíveis como  tomada de crédito.

Taxas competitivas em relação a outras formas de financiamento

Uma das principais vantagens, quando se fala em antecipação de recebíveis, está nas taxas praticadas, que são muito competitivas em relação às encontradas em outras formas de financiamento, cheque especial e demais modalidades de empréstimo.

Como já destacado, um dos motivos para que a antecipação de recebíveis seja praticada a taxas competitivas se deve ao fato da empresa não tomar dinheiro emprestado de ninguém. Na verdade, nessa modalidade, ela apenas recebe de maneira antecipada os recursos que seriam recebidos no futuro.  Nesse processo, ela  paga uma taxa, , evitando possíveis desgastes no seu relacionamento com instituições financeiras.

É, portanto, uma vantagem “dentro da vantagem”, já que preserva a possibilidade de lançar mão de outras linhas de crédito em outros momentos, caso seja necessário. Desse modo, caso a situação da empresa chegue a tal ponto, é muito melhor não ter um histórico que, muitas vezes, pode ser um limitador junto à instituição à qual se pretende tomar o empréstimo.

Ou seja,  nesse tipo de operação,  o comprometimento de receitas é menor e não gera grande impacto se pensarmos no nível de endividamento da empresa.

Redução do impacto da inadimplência

 Outra vantagem pela qual esse tipo de forma de obtenção de recurso em curto prazo é escolhido em detrimento de outros, é que ele permite diminuir sensivelmente a exposição do negócio aos efeitos da inadimplência.

Isso se dá pelo fato do recebimento dos recursos eliminar o risco dos pagamentos por produtos e serviços não serem realizados, uma vez que a empresa tem acesso a eles antes dos cheques ou duplicatas serem descontados.

Além disso, antecipar o recebimento de recursos pode ser um meio  para que o gestor reinvista   na compra de matéria-prima à vista e assim,  ter acesso a melhores preços, ou mesmo honrar seus compromissos referentes aos prazos mais próximos.

Antecipação de recebíveis: maior agilidade nas operações 

Antecipar o recebimento de recursos que só seriam efetivamente integralizados no futuro é uma forma de conferir agilidade às operações da empresa em geral. Afinal, com maior liquidez, ela tem a possibilidade de negociar de forma mais agressiva com fornecedores em busca de melhores condições.

Ainda assim, é indispensável que a antecipação de recebíveis esteja inserida dentro das  estratégias de expansão de negócios, uma vez que, se usada a longo prazo sem o devido planejamento, pode trazer prejuízos, como acontece com qualquer outra linha de crédito.

Quer saber mais sobre antecipação de recebíveis? Então fale conosco e aguarde nosso contato com mais  informações.


Compartilhar

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *