Atualizar o plano de negócios: como saber o momento ideal?

Compartilhar

O ambiente empresarial muda constantemente. As previsões econômicas são alteradas, novas empresas surgem no mercado, o negócio começa a operar e, então, percebe-se que a realidade atual está bem diferente do que havia sido planejado inicialmente. Isso acaba causando confusão nos empreendimentos e é nessa hora que os gestores precisam saber que é o momento de atualizar o plano de negócios.

Assim, essa importante estratégia deve ser modificada toda vez que o mercado exigir, visto que o plano de negócios é composto de metas que os administradores devem alcançar. Com o tempo, ele se torna obsoleto e, por isso, deve ser atualizado.

Pensando nisso, preparamos este artigo para que você saiba exatamente qual é a hora ideal de alterá-lo. Acompanhe!

O que é um plano de negócios?

O plano de negócios é um documento que tem o objetivo de descrever todas as metas de uma empresa. Cada fase é elaborada para que essas ações traçadas sejam alcançadas. Assim, para que um empreendimento tenha sucesso, existe a necessidade de analisar a viabilidade esperada do negócio, a fim de evitar possíveis riscos.

Esse documento é utilizado para que erros sejam identificados, por meio de simulações, antes que o negócio seja lançado no mercado. Ele é uma peça chave para que haja segurança na empresa e para que ela corra menos riscos com o decorrer do tempo.

Quando eu devo atualizá-lo?

O plano de negócios deve ser atualizado ao menos uma vez por ano. Notadamente, você pode pegar o documento que já existia e fazer uma revisão, mas lembre-se de observar tudo com imparcialidade.

Dessa forma, para que você saiba como fazer essa alteração, uma dica é conversar com seus clientes, saber o que eles almejam na atualidade, quais são seus problemas e como suas atividades vão ajudá-los na solução, entre outros.

Outra questão importante é tentar organizar uma nova segmentação de mercado, com um olhar crítico e filtrando seu produto, para saber se ele está atualizado e competitivo. Coloque-se no lugar do comprador e pense como ele. Além disso, não deixe de observar as tecnologias emergentes e também as tendências de marketing e mercado.

Caso for preciso, torne essa atualização mais financeira e a faça mensalmente. Analise a diferença entre os resultados alcançados e os de vendas, despesas, lucros e balanços. A partir, do momento em que o plano anual avança pelos meses, você pode fazer acompanhamentos mensais para que essas modificações se tornem mais eficazes.

Lembre-se, ainda, de que, além de monitorar as finanças, é fundamental observar suas atividades, prazos e resultados planejados. Isso precisa ser objetivamente mensurável. Assim, é preciso que isso seja revisto e atualizado mensalmente.

É importante salientar que o planejamento de um negócio está diretamente ligado a uma enorme contradição: enquanto a estratégia só funciona no longo prazo e com aplicação calma e cuidada, também é verdade que seguir cegamente um plano inflexível pode ser fatal para um empreendimento que continua apostando em medidas com resultados inconstantes. Isso pode ser facilmente resolvido com essa atualização. 

É necessário aproveitar as oportunidades do mercado?

O mercado muda constantemente e essas rápidas alterações fazem com que novas oportunidades de negócios surjam. Por isso, é importante atualizar o plano de negócios, pois isso pode ser útil na identificação dessas novidades, para assim poder aproveitá-las na hora certa, antes que algum concorrente tome a frente.

Observe, também, que a inovação é uma importante ferramenta para que a empresa se mantenha constante no mercado, além de conferir qualidade e lucratividade ao negócio.

Perceba que essa atualização acaba não sendo uma opção para os empreendimentos, mas sim uma necessidade. Na prática, para simplificar o processo e saber a ocasião correta para fazer essa modificação, é preciso buscar informações sobre seu mercado e como se encontra a situação econômica do país.

Além disso, é necessário acompanhar constantemente os indicadores de desempenho da empresa. Se algum deles estiver indo mal, provavelmente é um sinal de que a hora da mudança chegou.

Quais são os sinais para atualizar o plano de negócios?

Quando uma empresa cria um plano de negócios, nele já estão determinadas estratégias  conforme a realidade do momento. Porém, muitos gestores se esquecem de que o cenário do mercado muda constantemente e que essas projeções feitas são alteradas. Assim, muitas coisas podem acontecer e o plano inicial planejado pode não ser seguido.

Desse modo, é importante atualizar esse documento sempre que algo mudar nos resultados da empresa e no mercado.

Apesar disso, o responsável por essa tarefa precisa observar alguns fatos que podem afetar o empreendimento, visto que determinados fatores parecem simples e podem ocasionar um rumo totalmente diferente do esperado, como o surgimento de um novo concorrente.

São diversas as atividades que devem ser cumpridas e, muitas vezes, não sobra tempo para realizar o plano. A análise e a revisão de cada mudança a ser feita podem ser essenciais para que isso dê certo. 

Então, o melhor modo de fazer isso é utilizar uma ajuda profissional de alguém experiente na área. Com uma consultoria empresarial para fazer essa atualização, você terá total apoio nessa empreitada.

Como ajustar essa mudança às novas exigências dos consumidores?

Novas tendências e acontecimentos alteram o comportamento dos consumidores. Além do mais, as novas gerações, assim que optam por um produto ou serviço, valorizam critérios diferentes daqueles que eram fundamentais para as gerações anteriores.

Por essa questão, é interessante que seu negócio se mantenha atento e atualizado sobre as novas exigências dos clientes. Ao revisar seu plano de negócio, essas constantes mudanças ficam mais claras e você consegue tornar sua oferta mais condizente às necessidades atuais dos consumidores, como também determinar planos de ação e campanhas de marketing mais fundamentadas.

Dê uma atenção especial para questões ambientais e de responsabilidade social, as quais estão cada vez mais ganhando espaço e exercendo influência na escolha dos consumidores. Adotar essa estratégia pode ser uma importante vantagem competitiva para uma empresa.

Portanto, algumas empresas se encontram em uma boa posição no mercado sem um plano de negócios, mas isso não significa que elas estão seguras. Muitas gigantes no mercado caem com o tempo e, provavelmente, erram em estratégias que devem ser feitas.

Gostou deste artigo sobre como atualizar o plano de negócios? Então acompanhe outros assuntos sobre gestão financeira no nosso Linkedin.


Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *